Você abriria mão do sexo em troca de quê?

Estudo mostra que os homens preferem ficar sem sexo a correr o risco de perder seu emprego.


Uma pesquisa recente revelou que os homens seriam capazes de grandes sacrifícios para manter seu padrão de vida. Entre eles, o maior desafio que estariam dispostos a realizar seria abdicar do sexo para não correr o risco de ficar sem emprego, é o que divulga o jornal britânico The Daily Mail.

Esses resultados foram observados a partir de uma pesquisa realizada com homens solteiros e casados, com idades entre 21 e 50 anos. Todos os participantes eram ingleses e trabalhavam em tempo integral. Dos 700 homens que responderam à pesquisa realizada pelo cassino online Roxy Palace, 43% responderam que viveriam sem sexo para poder se manter no trabalho.
tudo indica que os entrevistados casados prefeririam sustentar suas famílias motivados, principalmente, pela instabilidade da economia de certos países. Já entre os solteiros, o comportamento mais comum seria a renúncia do emprego em vez de considerar a hipótese de se tornar sexualmente inativo.

O porta-voz da RoxyPalace.com afirmou que os resultados não surpreendem e, sim, revelam que as preferências masculinas dependem em boa parte dos relacionamentos com o sexo oposto.

“Para muitos, perder o emprego significa perder a casa que abriga seus filhos e acredito que muitos pais estariam preparados para fazer o que fosse preciso para evitar que isso acontecesse – mesmo que significasse viver em uma relação sem sexo. Contudo, os solteiros ou aqueles que ainda não tem filhos estão mais propensos a considerar seus empregos como itens dispensáveis, que podem ser facilmente substituídos. Esses homens preferem largar o emprego a ter que encarar algo tão depressivo quando uma impotência”, explica o porta-voz que não teve seu nome revelado na matéria.

No entanto, se engana quem pensa que é apenas o público masculino que considera o sexo secundário – ou o trabalho fundamental – para se viver bem. Para provar que todo mundo pode fazer loucuras, oHuffington Post elegeu sete estudos que relacionaram sexo e algum outro fator da vida cotidiana. Em todas as pesquisas, o sexo ficou com a segunda posição. Confira:

68% das mulheres abririam mão do sexo por, pelo menos, um mês em troca de um corpo perfeito (pesquisa realizada em maio de 2012 pela revista Shape em parceria com o site FitSugar);
15% das pessoas afirmaram que prefeririam ficar sem sexo do que passar um final de semana sem seu iPhone (pesquisa realizada em junho de 2012 pela Gazelle);
12% dos americanos trocariam o sexo por uma noite de sono bem dormida (pesquisa realizada em maio de 2012 pelo The Better Sleep Council);
20% das mulheres prefeririam desistir do sexo por uma semana do que ficar sem ver as fotos de seus amigos nas redes sociais (pesquisa realizada em outubro de 2011 pela Cosmopolitan);
21% das pessoas declarou que preferem ficar sem sexo por um ano do que ficar sem internet pelo mesmo período (pesquisa realizada em março de 2012 pelo Boston Consulting Group);
25% dos universitários disseram que escolheriam ficar sem fazer sexo por um ano para que pudessem deixar de carregar livros pesados (pesquisa realizada em agosto de 2011 pela empresa Kno);
75% das pessoas escolheriam sua comida favorita em lugar do sexo (pesquisa realizada em fevereiro de 2012 pela revista Bon Appetit).

você deixaria de meter bem gostoso pelo seu trabalho?

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...