Desvende o comportamento masculino

Pesquisa  revela como eles agem em relação a namoro, casamento, traição e sexo


Quem acha que seu namorado não acredita no casamento, trairia você sem pensar duas vezes e não sabe quando você está fingindo um orgasmo precisa conhecê-lo um pouquinho melhor. Uma pesquisa realizada pelo site AskMen revelou como eles pensam e agem profissionalmente e nos relacionamentos.

Ao todo, aproximadamente 80 mil pessoas foram entrevistadas para ajudar a desvendar o comportamento masculino. As questões abordaram temas como traição, o que mais chama a atenção em uma mulher, casamento e sexo.
Algumas respostas surpreendem e podem fazer você mudar um pouco a maneira de enxergar o seu parceiro.

Como eles escolhem as namoradas?


Aquelas que acreditam que foi a beleza que fisgou o coração do seu namorado para sempre estão enganadas. Na hora de escolher a parceira, a maioria deles (34%) valoriza principalmente a lealdade. Em seguida, vem o senso de humor, depois o cuidado que ela demonstra com ele e, por último, a inteligência.

A procura pela namorada é feita na vida real, já que a maior parte dos entrevistados (37%) afirmou não utilizar a internet para conseguir encontros. No entanto, 13% deles revelaram que conheceram pelo menos uma de suas companheiras com a ajuda da rede.

Mas o trabalho não é um dos melhores lugares para tentar conquistar o amado: 45% dos participantes acreditam que namorar alguém do ambiente corporativo é uma péssima ideia. No entanto, 56% afirmaram que levariam as colegas para cama, se tivessem oportunidade.

Quem tem filhos também sai perdendo na hora da conquista: metade deles afirmou que não se sentiriam confortáveis em namorar aquelas que já são mães.
E se você é do tipo que deixa o salto alto de lado na hora de sair com o namorado, é hora de abandonar essa preocupação. Na pesquisa, 85% dos entrevistados disseram que não se incomodam que a parceira seja mais alta.

No entanto, o número de homens com quem você já dormiu faz a diferença: para boa parte deles (50%), uma mulher se torna promíscua a partir do momento em que tem mais de 10 ex.


O que importa no relacionamento (e no casamento)
Se você é daquelas mulheres que, quando começam a namorar, esquecem-se de se cuidar, aí pode estar o motivo para os seus últimos relacionamentos não terem dado certo.

Apesar de a maioria dos participantes da pesquisa (53%) dizer que não terminaria o namoro se a parceira engordasse, um alto percentual (47%) agiria da forma contrária.

E não é só a silhueta que interessa para os comprometidos. A primeira característica que eles afirmaram que gostariam de mudar nas companheiras é o humor (15%), seguido pelo apetite sexual (11%). Mas nem tudo está perdido: 14% dos entrevistados não mudariam nada em suas amadas.

Quem pensa que eles não estão nem aí para o casamento está enganada. A maioria deles (66%) disse acreditar no matrimônio e se comprometeram a ajudar a preservá-lo. Mas se você não tem o perfil de esposa dedicada, não se preocupe: 48% afirmaram que não terminariam com uma namorada por isso.

E, na hora de casar, boa parte deles (35%) não se acha importante formalizar um acordo pré-nupcial. Talvez isso justifique por que tantos (79%) acreditam que os homens sempre saem perdendo em audiências de divórcio.


Como eles se comportam nos relacionamentos?
Ao contrário da maioria das mulheres, eles respeitam a privacidade da parceira. Assim, a maior parte dos entrevistados (36%) disse nunca ler o Facebook ou email das namoradas, nem se importar (44%) se, na lista de amigos, estiverem os ex delas.

Os entrevistados (84%) revelaram ainda que não monitorariam os passos das companheiras com um implante de GPS, por exemplo.

Outro comportamento que a pesquisa aponta é que a maioria deles (54%) se esforça apenas de vez em quando para serem românticos, principalmente (73%) para ficar mais próximo da amada. E parece que elas estão ligadas nos sinais, já que 74% dos participantes afirmaram que as parceiras reparam quando eles se tornam mais afetivos.

E se o relacionamento não está dando certo, a forma mais comum de eles colocarem o ponto final é pessoalmente (55%). Mas 13% ainda preferem fazer isso por telefone.


Eles traem?
Para aquelas que sempre afirmam que todos os homens traem, a pesquisa traz uma surpresa. A maior parte dos entrevistados (36%) revelou que não enganaria a parceira nem se não houvesse a menor chance de serem descobertos.

Eles justificam esse comportamento dizendo que isso vai de encontro aos seus princípios ou então que amam as parceiras demais para trai-las.

E outras respostas ajudam a confirmar a boa conduta masculina: a maioria (86%) dos participantes disse não ter nenhum amigo que tenha feito um perfil falso nas redes sociais para esconder um relacionamento ou que tenha usado a internet como meio para encontrar amantes (67%).


Eles e o sexo
Assim como as mulheres nunca estão satisfeitas com sua aparência, eles sempre acham que é possível melhorar alguma coisa, mas em sua vida sexual. A maioria (39%) demonstrou isso na pesquisa. Aliás, para 78% do público masculino, essa parte só é saudável se houver várias relações durante a semana.

Mas isso não significa que eles fariam qualquer coisa para deixar a vida sexual satisfatória. A maioria dos participantes (40%) afirmou que prefere não ter que pagar para ter sexo. Além disso, 63% garantiram que nunca disseram a uma mulher que a amava apenas para levá-la para cama.

Eles também não mentem sobre outras coisas. Por exemplo: 51% revelam nunca terem mentido sobre o número de parceiras com quem já dormiram. Em contrapartida, 16% contaram já terem fingido o orgasmo mais de uma vez.

Sobre esse aspecto, a pesquisa ainda revela mais. A maior parte deles (55%) acredita saber identificar quando elas fingem que chegaram lá, e não se sente nada bem com isso. Na verdade, 51% dos participantes se dizem ofendidos com esse comportamento, por não serem capazes de satisfazer a parceira.

Esse índice talvez justifique por que 31% dos entrevistados revelaram que gostariam de aumentar o tamanho do pênis, para se sentirem mais confiantes. Mas essa é apenas uma das fantasias que passam pela cabeça do público masculino. Eles também fantasiam com as amigas da namorada (37%), mas tentam evitar esse pensamento.

Assim, o próximo desejo é o de ir para a cama com duas mulheres ao mesmo tempo (37%), fazer sexo anal (100%) e em público (14%). E eles parecem ser bem honestos em relação às suas fantasias com as parceiras: 68% afirmaram não terem problemas em contar a elas as suas vontades.

E o que os homens pensam sobre eles mesmos? Para a maioria dos entrevistados (40%), o charme masculino só começa a diminuir aos 40 anos. E você, concorda com isso?

eu adoro sexo anal, infelizmente muitas gostosas não gostam q penaaaaaaaaaaaaa

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...